Fotos

Vídeos

Documentos

Documentos

 

Respostas do Mestre Woo aos praticantes de Tai Chi Chuan (selecionadas e organizadas pelo Dr. Aristein Woo*, em fevereiro de 2008).

1- O que é Being Tao? Para que serve?

Being Tao é um caminho de viver. É o jeito mais simples de dizer. Mas, para viver, primeiro é preciso que você tenha saúde. Saúde do corpo e do espírito - os dois têm que ter saúde. E, para ter saúde, o que é preciso? Ter alegria, ter esperança, ter bom apetite, dormir bem, ter o intestino funcionando bem. Isso simboliza a saúde. Mas Being Tao não é só saúde. Comer bem, dormir bem, intestino funcionar bem - até um porco já é assim. Nós somos humanos. Então, temos de "levantar o espírito", sentirmos que, como humanos neste mundo - os seres de mente e espírito mais altos, filhos de Deus - temos de construir, junto com Deus, um paraíso neste planeta. Isso se chama Being Tao.
Hoje, os humanos estão arrogantes por causa do crescimento da ciência e da tecnologia. Faltam cultivar a mente e o espírito. Não estão apenas deixando de construir o paraíso neste planeta, mas estão estragando o planeta e podem chegar a destruí-lo.
Então, Being Tao é estudar, pesquisar, treinar essas coisas. Isso se chama Being Tao. Assim, essa Praça não recebeu o nome de Praça de Tai Chi ou Praça de Qigong. É a Praça da Harmonia Universal, e para o Being Tao. Para que aqueles que freqüentam essa Praça, primeiro tenham saúde, e depois completem a missão de um ser humano nascido neste planeta - construir um paraíso. Isso se chama Being Tao.

2- Quais os requisitos para alguém ensinar o Being Tao?

Being Tao deve ser praticado e estudado a vida inteira, geração após geração. Cada um pode passar ao outro aquilo que já entende. Mas você, sabendo só um pouquinho, não pode se mostrar como se soubesse tudo. Essa pessoa é ignorante e isso não é Being Tao.

3- O Being Tao se resume à prática corporal?

Nada disso. Se for só isso, essa Praça vai virar um jardim zoológico. Nada disso. Being Tao é cultivar três coisas juntas: corpo, mente e espírito, e prestar muita atenção para a saúde, a fraternidade e a paz. Se faltar isso, não é o Being Tao completo.

4- Um cardíaco pode praticar Tai Chi na Praça?

Essa pergunta é muito importante. A prática tem que ser adequada ao problema cardíaco. Uma pessoa com o coração saudável não pode falar para o cardíaco que o Tai Chi é bom e é para praticar da mesma maneira que ele. Não existe isso. A prática deve ser de acordo com o que o coração sofre. Assim, pode acontecer de um cardíaco estar praticando e ter uma parada cardíaca. Por isso, é preciso orientação de uma pessoa que entenda de verdade de medicina, um médico. Não é um moleque comum, um simples campeão, que pode orientar. Ele pode ser um campeão, mas (sem esses cuidados) pode até matar esse cardíaco. Existe esse perigo.

5- O que é "Chi" ?

Primeiro, é a bio-energia que existe no nosso corpo. Essa bio-energia está em meio ao seu corpo e seu espírito. Pelo comando desse Chi, esses estão vivos. Essa é a explicação do ponto de vista do treinamento do corpo e do espírito através do Being Tao. Existem muitas outras explicações para Chi. Por exemplo, o grande universo também tem um Chi, que entra no Chi das nossas células. O que faz o planeta girar ao redor do sol, isso também é um Chi. Então, existem muitas explicações para o que é Chi. Explicar Chi não é tão fácil. O Chi no Chikung (qigong) está relacionado à inspiração e expiração. É bem verdade que todos os que não morreram estão inspirando e expirando. Mas praticar e pesquisar, isso é Chikung. Então, não bastam dois, três minutos de explicação para você compreender. Tem que ir devagar, recebendo orientação e praticando para compreender. É uma ciência corporal muito profunda. E através desse Chi pode-se curar fisicamente e psicologicamente.

6- Como o Tai Chi (Being Tao) auxilia no equilíbrio do Chi em nosso ser?

É preciso que cada pessoa, de acordo com seu estado de saúde e seu costume, solte o corpo, devagar e naturalmente. Deve continuar, todos os dias, a prática. Assim, o Qi vai se equilibrar. Se você só ler muitos livros, só escutar, também não vai entender. Tem que praticar. Parece natação: você tem que tirar a roupa, entrar na piscina e nadar. Assim você vai saber natação. Se só ler livros de natação, assistir a vídeos de natação, vai parecer que você entende, mas na verdade, não entende.

7- Como orientar o nosso pensamento durante a prática do Tai Chi?

Primeiro, tem que começar pela meditação, para o intercâmbio da energia do universo com você. E, durante a prática, também deve haver o tempo de perceber, humildemente, que, sem essa energia da mãe-natureza, ninguém consegue viver. E isso nos é dado de graça. Tem que sentir essa energia na sua mão e sentir gratidão. Depois, tem que pedir a essa mãe-natureza, que é Deus, que nos perdoe. Perdoe a nossa muita arrogância e muita ignorância. Nós fazemos muita bagunça. Na verdade, nós podemos viver mais felizes, mas não conseguimos porque fazemos muita bagunça. Por isso pedimos perdão. E depois fazemos uma oração. Para que sempre voltemos, humildes, a prática do Being Tao, para que cada um cumpra a sua missão. E, por vir praticar nessa Praça, cada um é um santo, uma santa. Não basta só praticar um pouco, participar de campeonatos, fazer engraçadinho, chutar alto e considerar isso como o ponto final. Isso, no máximo, é o ponto de início - o inverso do ponto final. Hoje, no mundo, há muitos campeonatos. Isso faz com que os campeões pensem que já chegaram no ponto final. Isso estraga muito esses campeões.

8- Que cuidados deveremos ter durante a prática do Being Tao?

A prática do Being Tao é para a vida inteira. Dormindo, também praticar. De olhos abertos, também praticar. Sentado, também praticar. Nas 24 horas, em qualquer lugar, temos de praticar. Não é só durante uma hora, na Praça da Harmonia Universal. Por exemplo, você pode praticar bem durante uma hora aqui na Praça, e depois, quando vai atravessar o eixão, não prestar atenção, ser atropelado e morrer. Você pode praticar aqui bem, depois vai comer, e, se comer algum veneno, também vai passar mal. A verdadeira prática é como inspirar e expirar para quem sabe respirar. Não é só nariz e boca. Quem sabe inspirar e expirar, inspira e expira por todo o corpo. Então, quem sabe praticar o Being Tao, estuda e pratica humildemente, a vida inteira. Não é só nessa Praça durante uma hora. Nas 24 horas, em qualquer lugar, é preciso prática e estudo. Isso é Being Tao.

9- Being Tao e Tai Chi são a mesma coisa?

Tai Chi é uma parte do Being Tao. O Tai Chi cabe dentro do Being Tao. O Being Tao não cabe totalmente dentro do Tai Chi. A prática correta do Tai Chi é fundamento do Being Tao. Mas a prática do Being Tao é maior do que o Tai Chi. O Being Tao não cabe dentro do Tai Chi. Por exemplo, o Tai Chi é do oriente, da China. Being Tao respeita o que é bom para a humanidade. Ioga também é Being Tao. Jiu-jitsu, se não apelar para a ignorância, cultivar também a mente e o espírito, também é Being Tao. Mas usado no Vale-Tudo, com derramamento de sangue, só para ver quem ganha em cinco minutos, depois o praticante vira assaltante... Isso não tem nada a ver com Being Tao. Para mim, Jiu-jitsu também é Being Tao. Para mim, cantar também é Being Tao. Depende de como você pratica. Quando se vai tratar a saúde, não é basta o médico, não basta remédio, não basta injeção. Você tem que atentar para o alimento - o que comer, quanto comer, quando comer - isso já é remédio. Psicologicamente, você ter alegria, contentamento, esperança, também é. Seu ambiente, nem muito úmido, nem muito seco, arejado e com luz natural, já ajuda a curar. Seu hábito de vida particular também é muito importante no Being Tao. Being Tao é vivo assim (não é estático). Manter sempre o espírito tranqüilo, a respiração natural, o corpo relaxado - cada um pode praticar isso. Por isso, venha para a prática, todo dia. Aproveite o sábado e o domingo para perguntar. Não é todo dia que se deve perguntar. Pratique durante a semana inteira e junte as perguntas para fazer no fim-de-semana. Esse é o sistema usado há 33 anos. Quem já pratica Being Tao há mais tempo sabe se Being Tao é só corpo, ou se também tem mente e espírito. Sabe que tem que atentar para fraternidade, saúde e paz. Sem isso, não é Being Tao. Não estamos aqui para fabricar robôs ou bonequinhas que fazem um movimento engraçadinho. Espero que todos perguntem, perguntem sempre. Pratiquem, pratiquem sempre. Estudem, estudem sempre.

* Dr. Aristein Tai Shyn Woo - CRM - DF 10.183 - médico acupunturista, filho do Mestre Woo e Diretor-Secretário da Sociedade Médica Brasileira de Acupuntura - Capítulo Distrito Federal

O praticante pode enviar mais perguntas ao Mestre Woo para o seguinte endereço eletrônico : aristeinwoo@gmail.com